-->

segunda-feira, 30 de março de 2015

Resenha: O Herói Perdido



Título: O Herói perdido

Autor: Rick Riordan

Editora: Intrínseca

Avaliação:




      Oi gente, hoje, trago pra vocês a minha resenha sobre o livro "O Herói perdido", o primeiro da saga "Os Heróis do Olimpo". Primeiramente, esse livro me encheu de expectativas pois, o último livro de "Percy Jackson e os olimpianos" acaba com uma profecia:

"Sete meios-sangues responderão ao chamado.
Em tempestade ou fogo, o mundo terá acabado.
Um juramento a manter com um alento final,
E inimigos com armas às Portas da Morte afinal."

Como sempre, é uma profecia confusa e assustadora, então, comecei a ler pra conferir o que viria. Primeiro, é notória a mudança dos títulos (antes todos eles tinham um ar cômico e todos eram na visão do personagem Percy) que são agora, marcados com algarismos romanos mudando a perspectiva da trama, já que cada personagem tem seu próprio capítulo.


O livro introduz um novo trio de personagens:
Jason - Um líder nato, filho de Zeus, que se encontra sem memória. Misterioso, Jason não tem facilidade para o grego, como todos os meios-sangues conhecidos, e sim, para o Latim, outro fato muito intrigante se dá pela tatuagem SPQR em seu braço.

Piper- Uma filha de um famoso ator americano, que vive se metendo em encrencas, incluindo furto de coisas, segundo a própria alega, ela apenas pede os objetos que deseja e as pessoas entram em um tipo de transe, entregando seus pertences, só depois, se dando conta do que fizeram.

Leo Valdez- Filho de Hefesto, ele acredita não ser de muita valia, porém Leo tem o domínio sobre o fogo, um grande poder, que envolve grande perigo, por conta de suas habilidades, Leo foi rejeitado pela sua família, após sua mãe morrer em um incêndio (causado por Gaia), sua única alternativa é ficar fugindo de adoção em adoção, até ser mandado par escola direcionada a adolescentes problemáticos, onde se encontram Jason e Piper.

A trama envolve elementos que prendem qualquer leitor ao livro: O mistério da origem de Jason; o amor que Piper sente por ele (Piper acreditava ser namorada de Jason, porém acaba descobrindo que tudo só passava das ilusões da névoa); o desaparecimento de Percy; a rejeição que recai sobre os ombros de Leo e sua incompatibilidade de não pertencer à um grupo, não ter alguém que o considere essencial. Sem falar que, todos os monstros mortos durante a aventura, se recompõe rapidamente, o que como sabemos, não deveria acontecer já que a essência de todos os monstros devem voltar ao Tártaro, a presença de seres icônicos da mitologia Grega, como o Rei Minos também é bastante chamativa.
O trio de novos heróis precisa resgatar Hera que foi sequestrada, para evitar o renascimento de uma antiga ameaça "Alcioneu, filho de Gaia" (Ele é encontrado na mitologia como um dos causadores entre a Guerra Deuses x Gigantes, pois o mesmo, já havia sequestrado Hera antes), além disso, o resgate, segundo a própria deusa, é o único modo de Jason recuperar sua memória. Sem contar que, o pai de Piper também encontra-se sequestrado em algum lugar, e a garota precisa escolher entre salvar seus amigos ou o pai.

Entre trancos e barrancos, Jason, Piper e Leo conseguem resgatar a deusa, e atrasar o surgimento de Alcioneu, a memória do Herói vem a tona, e Jason revela a todos que existe outros deuses -- Os Romanos -- que são os mesmos deuses gregos, porém, com uma personalidade mais bélica, revela também que há outro acampamento e que Hera provavelmente trocou Jason por Percy. A busca e a troca por Percy, foi algo arquitetado pela deusa, pois, aparentemente está relacionado à profecia dos Sete, a decisão de Hera, de juntar os dois acampamentos é emblemática e mortalmente perigosa, o motivo? Gregos e Romanos jamais se deram bem, a própria Guerra civil americana foi causada por uma contenda entre os semideuses. Os deuses e o mundo precisa dos Sete melhores heróis, que se encontram nos dois acampamentos, se tudo ocorrer bem, lutarão contra Gaia e seu exército de Gigantes às portas da Morte, se o plano der errado (como já aconteceu diversas vezes) os acampamentos entrarão em Guerra Civil, acelerando ainda mais o processo de destruição da civilização terrestre.



Nenhum comentário:

Postar um comentário